Home / Notícias / Carlos Moisés coloca contra a parede outros chefes dos poderes em SC, vai funcionar?

Carlos Moisés coloca contra a parede outros chefes dos poderes em SC, vai funcionar?

Na terça feira, dia 26/02, durante uma sabatina com o grupo RIC, o governador Carlos Moisés (PSL) tornou pública uma informação que para muitos é de cunho estratégica, o possível atraso dos proventos de servidores públicos a partir de junho/julho. Também comentou sobre o décimo terceiro que não foi pago em janeiro nem será em fevereiro.

Nunca antes o chefe do executivo catarinense trouxe com tamanha franqueza e antecipação tal informação, mas, fora a transparência com as contas (que foi promessa de campanha), há alguma outra intenção nessa atitude?

O governador comentou que o caixa do estado é um só, para todos os poderes, e que não pode faltar dinheiro de um lado e sobrar em outro. Tal comentário leva ao entendimento que não serão apenas os professores e servidores do pequeno escalão que seriam afetados por esse possível atraso, mas também assessores de deputados, juízes, procuradores, etc.

O governador deu a entender, na entrevista, que todos os cargos estão em pé de igualdade e responsabilidade com a máquina pública, cobrando austeridade para que não se concretize tal previsão. Moisés já está dialogando com os outros chefes dos poderes em SC para que sejam tomadas medidas justas para todos.

Lucas Henrique Sabino
Pai, marido, cristão, futuro bacharel em Ciência Política e militante das causas nacionais. Entusiasta de games e E-sports.

Check Also

Presidente do MDB estadual veta participação de correligionários no governo Moisés e isso é ótimo!

Mauro Mariani, candidato ao governo de Santa Catarina em 2018 pelo MDB, lançou a primeira …