Home / Notícias / Líder do MBL pede cassação de vereador que gravou relação sexual com menor

Líder do MBL pede cassação de vereador que gravou relação sexual com menor

Em meados de 2011, em Itajaí (SC), o professor de educação física José Acácio da Rocha (atualmente vereador pelo DEM), foi condenado após gravar vídeo e divulgar fotos dele mantendo relações sexuais com uma adolescente de 16 anos. José Acácio tinha 39 anos na época.

Em 2012, elegeu-se vereador reelegendo-se nas últimas eleições mesmo tendo sido condenado a sete anos de prisão em regime semiaberto. José Acácio continua exercendo seu mandato normalmente.

O fato de um homem de meia-idade expor uma adolescente desta maneira já é repugnante por si só. O fato deste homem, julgado e condenado ainda ocupar um cargo público, causa muita revolta sendo completamente inaceitável.

Em vista disso, o líder do MBL em Santa Catarina Gabriel Gonçalves Zanon, de 18 anos, protocolou na última segunda-feira (09/09), um pedido de cassação do mandato do vereador criminoso que, inclusive, anunciou estar focado em sua reeleição 2020.

Gilberto Gulart

Check Also

MBL Santa Catarina faz atos em apoio a lava-toga

O Movimento Brasil Livre tem organizado atos por todo o país, em favor da CPI. …